domingo, 20 de março de 2016

PRIMEIRO DIA DO OUTONO


Hoje é o primeiro dia do outono e, para comemorar o começo do fim do calorão no Brasil, nada melhor do que um Cabernet Sauvignon. Mas não um qualquer, e sim um muito especial e raro que podemos beber gelado e tem um tom rosé lindo!

Este vinho que bebo hoje é o Gris da Viña Cousiño Macul. Ele é elaborado a partir do primeiro suco da pele da uva madura Cabernet Sauvignon, por isso a cor rosada.

Experimentei quando a minha irmã Andréa foi ao Chile, se apaixonou por ele e trouxe um pra mim. Tb me apaixonei, claro! Em seguida uma amiga foi pra lá e eu já encomendei mais!



“Para produzir este vinho é preciso trabalhar a partir de frutos maduros de Cabernet Sauvignon, mas é vinificado com o procedimento de vinhos brancos. O suco é separado das películas depois de um curto contato apenas para extrair a sua cor atraente. Então mantida a 10° C durante 36 horas para decantar. O suco limpo é retirada e lentamente fermentado a 13-14° C durante 35 dias, utilizando levedura mousse. Ele amadurece durante 2 meses em tanques de aço inoxidável e é engarrafado jovem para preservar a sua personalidade encantadora.”
Fonte: www.cousinomacul.com

A história da Viña Cousiño Macul é muito interessante. É a única, estabelecida no século XIX, que se mantém nas mãos da mesma família desde a fundação em 1856.
É uma tradição desta vinícola fazer vinhos rosados com uvas que aparentemente só dariam vinho tinto.

Até pouco tempo não achava ele pra comprar em lojas físicas e tb não encontrava na internet. Hoje, para minha surpresa, consegui encontrar esta jóia no site www.megaadega.com.br com valor R$49,90. 
Acho que vou fazer estoque!

6 comentários:

  1. Hum... deu até água na boca! Vou experimentar!

    ResponderExcluir
  2. Hum.... pena q Aqui nao acho muita coisa!

    ResponderExcluir
  3. Hum.... pena q Aqui nao acho muita coisa!

    ResponderExcluir
  4. Tem vários sites que entregam no Brasil todo rótulos do mundo inteiro! Dá uma olhada no www.wine.com.br por exemplo! bjs

    ResponderExcluir
  5. Eu trouxe uma garrafa desse vinho também, diretamente da vinícola.

    A cor estava fantástica, mas admito que esperava um pouco mais dele. Que pudesse ser bebericado sozinho, por exemplo, mas as notas herbáceas e o tiquinho de amargor no final da minha garrafa pediram por comida.

    Parabéns por terem iniciado o blogue e sucesso! Vou estar acompanhando :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Edward! Interessante sua opinião, vamos prestar atenção nestes detalhes! Obrigada por seguir o Taças! Abs

      Excluir