quinta-feira, 28 de julho de 2016

SANGRIA A EQUILIBRISTA

Há uns 2 meses atrás, no aniversário do Fábio meu cunhado (marido da Laura), saímos pra um barzinho estilo "espetinho" aqui em BH, que como (quase) todo mundo sabe, se resume a churrasquinhos e long necks de vários tipos.
Em uma das vezes que o garçom foi nos servir, ele levou na bandeja uma novidade pra fazer propaganda, a SANGRIA A EQUILIBRISTA.

Eu e meu potinho!!! :)

Eu já havia postado essa foto no instagram (@andreafsr) , mas revendo as fotos no celular, resolvi compartilhar a experiência.

É uma mistura de vinho tinto (Cabernet) com frutas e já vem preparada num potinho, é só abrir, colocar o canudinho e beber. Uma delícia! Geladinha e bem refrescante!



Tem a versão com vinho branco (Chardonnay), que em restaurantes encontramos com o nome de Clericot. Essa eu não provei, mas minha irmã já havia provado e disse que prefere a versão tinta.


Com relação ao preço, eu paguei R$ 18,00 no pote de 355 ml. Em pesquisa vi que agora eles possuem mini potes de 187 ml também, mas não consegui ver o preço.

Em alguns eventos a empresa leva as bebidas em carrinhos de sorvete ou na bike pra vender, super charmoso!



Para informações sobre onde encontrar essa delícia, segue o link do facebook deles:

quarta-feira, 20 de julho de 2016

BACO, O DEUS ROMANO DO VINHO

Nem só de rótulos vive o Taças... mas também de curiosidades, experiências, histórias e cultura...

Já ouviu falar em Baco? 
O vinho é a "bebida de Baco" pois Baco, na Mitologia Romana, era o deus do Vinho.

Baco, por Michelangelo. 
Museu Nacional do 
Bargello, Florência.

Baco (em grego: Βάκχος, transl. Bákchos; em latim: Bacchus; em italiano: Liber ou Liberato)
Na mitologia romana, Baco era o deus do vinho, das festas, do lazer, do prazer e da folia. Filho do deus Júpiter (deus do dia) com a mortal Sêmele, Baco era considerado pelos romanos como um amante da paz e promotor da civilização.

De acordo com a mitologia romana, Baco ao tornar-se adulto descobriu a forma de extrair o suco da uva e produzir o vinho.


Com inveja, a deusa Juno (Hera no panteão grego) transforma Baco num louco a vagar pelo mundo. Ao passar pela Frigia, foi curado (da loucura) e instruído nos rituais religiosos pela deusa Cibele. Curado, ele atravessa a Ásia ensinando a cultura da vinha.

Baco por Caravaggio,
na Galleria degli Uffizi, Florença


Baco, por Leonardo da Vinci,
no Museu do Louvre,
Paris

A PEDRA DE BACO
Para os enófilos que crêem em mitos, a pedra Ametista é um poderoso amuleto.

AMETISTA:
"A" (NÃO) + "METHUSKEIN" (INTOXICAR)

Diz a lenda que uma bela ninfa estava sendo cortejada por Baco e, para que o deus não mais pudesse lhe assediar, ela foi transformada em um cristal. Alguns acreditam que o nome deriva da fusão de “a” (não) mais “methuskein” (intoxicar) e, por isso, ela impediria seu portador de ficar embriagado. A mitologia aponta ainda que Baco então pegou a pedra e a mergulhou no vinho, daí a cor avermelhada do líquido. Outra versão diz que foi a pedra quem deu sabor à água, transformando-a em vinho.

Já na Mitologia Grega...
...Baco era Dionísio.

A lenda em torno de Dionísio é rica e, por vezes, controversa. Em alguns pontos diz-se que foi o sátiro Sileno, seu professor, quem lhe ensinou sobre a cultura da vinha e a produção de vinho. Ele teria sido o principal companheiro do deus e vivia bêbado. Acredita-se, ainda, que alguns filhos do deus é que disseminaram a vinha mundo afora.

Dioniso de acordo com
modelo helenístico, 
exposto no Louvre, Paris.

Dioniso ou Dionísio (em grego: Διώνυσος ou Διόνυσος, transl. Diōnisos ou Diónisos) é na antiga religião grega o deus dos ciclos vitais, das festas, do vinho, da insânia, do teatro, dos ritos religiosos mas, sobretudo, da intoxicação que funde o bebedor com a divindade. Equivalente ao romano Baco.
Foi o último deus aceito no Olimpo, filho de Zeus e da princesa Sêmele, também foi o único olimpiano filho de uma mortal, o que faz dele uma divindade grega atípica.

Dionísio era representado nas cidades gregas como o protetor dos que não pertencem à sociedade convencional e, portanto, simboliza tudo o que é caótico, perigoso e inesperado, tudo que escapa da razão humana e que só pode ser atribuída à ação imprevisível dos deuses.

Fontes: 
pt.wikipedia.org 
suapesquisa.com/imperioromano
revistaadega.uol.com.br 

segunda-feira, 18 de julho de 2016

MAIS UM ACHADO - BRASILEIRO SAUVIGNON BLANC NA TEMPERATURA CERTA COM PREÇO EXCELENTE!

Ei pessoal, tudo bem?

Hoje quero dar dica de outro branco e desta vez um que me surpreendeu e que eu pude constatar “assustadoramente” uma regrinha básica, a da temperatura certa.
Muitas pessoas acham bobagem essa história da temperatura certa pra cada tipo de vinho e, gente, não é bobagem!  Vou explicar.
Saí à tarde com uns amigos e, por estar um pouco quente, optei pelo vinho branco para tomar geladinho. No lugar que fomos, aliás é outra dica que quero dar muito bacana, a Hipper Frios no Bairro Cidade Nova (é um empório/delicatéssen que funciona como bar e restaurante também, então você entra e escolhe seu vinho na prateleira e o garçom leva geladinho com o balde de gelo na mesa, e os preços são excelentes!) eu escolhi o meu vinho e fui pra mesa. Ao experimentar ele estava com a temperatura mais alta do que o indicado, o garçom sabia disso e me avisou antes perguntando se eu queria que servisse ou se eu queria esperar um pouco. Eu pedi pra esperar, mas sempre que eu tentava beber e o sabor estava estranho, gosto de álcool e amargo. Pensei que o vinho é que não tinha me agradado mesmo e resolvi ir tomando devagar só pra não ter que desistir dele. E não é que ele foi gelando mais e o sabor foi melhorando cada vez mais e quando ele ficou super gelado ele ficou muito gostoso!? Muito mesmo!! E adivinhem? É brasileiro e custa R$39,90!! Gente, acho que a regra que a gente não deve ignorar NUNCA NA VIDA é a da temperatura! Fez muito a diferença!

 
Detalhe que eu esqueci de tirar foto dele no dia. Ainda bem que eu sempre trago de volta pra casa a garrafa quando sobra um pouco senão só ia ter foto da internet.

Vamos à ficha técnica desta descoberta:
Sinais 2016
Sauvignon Blanc
Vinho jovem, refrescante, aromático, de consumo rápido
A cor dele é amarelado clarinho, quase transparente.
Beber com temperatura entre 10° a 12°. Como saber sem um termômetro? Se a taça ficar embaçada quando o vinho for servido já é um bom sinal.



A vinícola Don Guerino fica nas Serras Gaúchas e tem 55 Hectares, fica no município de Alto Feliz. www.donguerino.com.br
Você pode agendar uma visita pra ir lá conhecer a vinícola, mas no site estava fora do ar este link. Vou tentar outro dia saber como funciona, parece ser lindo lá!

Existem outras uvas deste vinho e outras linhas desta vinícola, fiquei curiosa e quero experimentar mais! Além da surpresa, o precinho agradou também!


Sobre o Hipper Frios, ele são e-commerce também: www.hipperfrios.combr . Eles entregam em toda BH com pedido mínimo de R$50,00 e frete grátis pra região deles, confiram os bairros no site. Rua Alberto Cintra / Bairro Cidade Nova.

quarta-feira, 13 de julho de 2016

DICA DE VINHO BRANCO CHILENO DELICIOSO - SECRET RESERVE

Ei pessoal, tudo bem?

Quero dar a dica de um branco que tomei no último domingo. É o Santa Rita Secret Reserve White Blend. Sabor especial, maravilhoso, complexo e delicado. Seco e de final levemente adocicado, ele mistura 4 uvas brancas em diferentes porcentagens e por isso essa exclusividade: Riesling (como predominante), Chardonnay, Sauvignon Blanc e Viognier.

  

Indo contra o que eu pensava antes, que vinho branco só harmonizaria com carne branca, tomei o meu SR em pleno churrasco de domingo e foi muito bom! Claro que ele estava devidamente refrigerado e se manteve geladinho até a última taça.


Sobre a vinícola, a Santa Rita, ela fica na região Valle Central onde está grande maioria das vinícolas no Chile. É um lugar maravilhoso e eu estou louca para conhecer. 
Lá, além de ser aberto à visitação como as outras vinícolas, tem hotel dentro da propriedade o que facilita o passeio, né?


“Em 1996, a casa do velho fazendeiro da propriedade de Domingo Fernández Concha foi convertida na bela Santa Rita adega Casa Real Hotel. A casa propriedade, de estilo de Pompeia, tem dezesseis quartos acolhedores.” http://www.santarita.com/international/casa-real-hotel/


Este rótulo que falamos hj eu consegui encontrar para comprar na internet por R$42,00 no wine.com.br (aqui). 

Vale muito a pena adquirir um exemplar dessa garrafa para experimentar, eu garanto!

terça-feira, 5 de julho de 2016

SYRAH E CABERNET NO "CABERNET"

Semana passada saí com minha irmã mais nova Elisa para encontrar duas amigas queridas, a Carla e a Rafiza. Elas (com exceção da minha irmãzinha querida) também adoram um vinhozinho... Sugeri encontrá-las num bar de vinhos aqui em BH que eu ainda não conhecia, o Cabernet Butiquim.
Fui a primeira de nós 4 a chegar às 19h e o bar já estava cheio, precisei aguardar com meu nome numa lista de espera por mesa. Mas fiquei pouco tempo esperando, em uns 15 minutos minha mesa estava pronta.




Pra quem não conhece, o Cabernet Butiquim é um conceito diferente do que encontramos normalmente quando vamos tomar um vinho fora de casa. É aquele estilo clássico dos butecos de BH: espaço interno pequeno (bem pequeno mesmo, foi onde ficamos. Um charme!) e muuuuitas mesinhas na disputada calçada, que acredito ser mais gostoso pro happy hourClima bem informal, carta de vinhos bem variada, cozinha de buteco com um toquezinho sofisticado e um preço bem amigo.

Bom, vamos ao que mais nos interessa... degustamos 2 rótulos Chilenos:

Clásico Syrah Ventisquero 2015: 
"Possui cor vermelho escuro com reflexos violáceos. Ressaltam aromas de frutas pretas e vermelhas maduras, notas de especiarias, chocolate, tabaco e carvalho. Na boca taninos finos, macios, médio corpo deixando a boca fresca." www.baccos.com.br


Promesa Cabernet Sauvignon 2015:
Vinho varietal. Vinho jovem sem passagem por madeira. Estabilizado em tanques de inox com amadurecimento de 6 meses em garrafa." www.winerystore.com.br


Gostamos bastante dos 2, pagamos em torno de R$ 59,00 por cada garrafa lá. 
Pesquisei em sites e supermercados e encontrei os mesmos rótulos a preços entre R$ 34,00 e R$ 42,00.

Elisa, Rafiza, eu e Carla
Harmonizamos com foccacia que acompanhava 3 tipos diferentes de antepastos, carpaccio bovino e bruschettas de ragu de linguiça. Tudo muito bem feito, muito gostoso!
Adorei e espero voltar em breve! Da próxima vez com o Taças Gêmeas completo (Faltou a Laura, ela estava no Mineirão neste dia!!!) e de preferência na calçada, como um bom butiquim de BH!